7.07.2007

Felicidade

"Uma pessoa pode sentir o cúmulo da felicidade numa casa horrível, desconfortável, e numa casa maravilhosa pode sentir-se de rastos. Essa é a margem em que a arquitectura não impõe a vida às pessoas e quando tenta impor isso é ilegítimo, objectivamente ilegítimo".

Palavras de Álvaro Siza Vieira em entrevista na edição do Ípsilon de 15 de Junho de 2007.

2 Comentários:

Anonymous diogo disse...

Arquitectura é contradição.

9/7/07 11:35  
Anonymous sebastiao disse...

A arquitectura é apenas a transição de um estado da mente para um estado fisico, um estado que não é universal mas pessoal, e o risco a correr é reduzido com a humildade

6/9/07 02:56  

Enviar um comentário

<< voltar